10 dicas para emagrecer

10 dicas para emagrecer

Ninguém aguenta viver de dieta.

Trabalho todos os dias com emagrecimento e saúde. E adoro! Uma das frases que mais repito é que a minha meta como nutricionista e Health coach é facilitar a vida do meu paciente e que ele seja feliz dentro do seu plano alimentar. Isso, ser feliz! Porque de nada adianta emagrecer e estar infeliz e mal-humorado.

Claro que o ideal sempre será o plano alimentar personalizado, mas estas dicas vão ajudar bastante quem está precisando de um empurrãozinho.

Não faça jejum.

Comece seu dia com o café da manhã. Esta refeição não precisa ser grande se você não quiser. Mas alguma coisinha precisa. Pode ser uma fruta ou um café com leite, mas seu corpo precisa de uma fonte de energia ao acordar.

Não sofra com alimentos que você não gosta.

Simples, né? O plano alimentar precisa ser baseado no seu gosto!! E ponto final. Claro que precisamos incluir alimentos saudáveis, mas não precisamos retirar todos que não são.

Evite bebidas industrializadas.

Refrigerantes, sucos e chás podem contem excesso de açúcar e sódio. O que prejudica muito o emagrecimento.

Coma várias pequenas porções ao longo do dia.

Comer também é um ato carinho que envolve sentimentos e outras questões que vão além da fome. O alimento funciona no nosso corpo como um combustível funciona para o carro. Nosso corpo precisa de energia para manter-se vivo. Estudos demonstram que quando nosso corpo está com falta de energia, vitaminas ou minerais, as compulsões alimentares e “fomes descontroladas” aumentam, além de cansaço, tontura e dor de cabeça.

Escolha alimentos mais proteicos e ricos em fibras.

Alimentos ricos em fibras e proteínas saciam muito mais que alimentos brancos como pães e arroz branco. Quanto maior a saciedade, menor a gula.

Não espere a fome para ir comer.

Não conseguimos argumentar com a fome extrema. Se você esperar a fome forte bater, não vai conseguir controlar tão facilmente a quantidade.

Leve á refeição para o trabalho e evite buffets

Almoçar em buffets pode ser uma armadilha enorme. As opções são enormes, os pratos grandes e as colheres de servir maiores ainda. Tente levar seu almoço de casa e evite situações difíceis. Para que dificultar quando você pode facilitar e fugir das tentações.

Prefira alimentos naturais e pouco processados

Uma alimentação rica em frutas, legumes, verduras, castanhas, cereais integrais, peixes e gorduras boas é a mais indicada. Alimentos in natura são ricos em antioxidantes e muitos nutrientes que ajudam a manter o corpo em seu bom funcionamento e a reduzir o risco de várias doenças, como câncer, diabetes e eventos cardiovasculares.

Evite fazer refeições líquidas.

Substituir refeições por shakes, smoothies e sucos pode até causar a ilusão de acelerar a perda de peso inicialmente, mas o alimento rico diminui a sensação de saciedade em comparação ao solido, então você pode aumentar a fome na próxima refeição ou no dia seguinte.

Durma bem.

O cérebro cansado, privado de sono, tende a desejar alimentos gordurosos, calóricos e mais “gordinhos”. O nosso corpo manda sinais de mais fome e acabamos comendo mal e fazendo escolhas ruins.

Até Mais.

PUBLICADO POR

"Julia é mãe da Lívia e dos gemeos Laura e Eduardo. mora em Miami, tem 34 anos e é Health Coach e nutricionista."

Compartilhe esse post

[whatsapp]
Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sisters Mommies | Desenvolvido e gerenciado por gCampaner

X receba todas as novidades
do blog por email!
Fique sempre por dentro de tudo que é postado no blog Sisters & Mommies!